top of page

Putin considera operação militar russa na Ucrânia como ‘prioridade máxima’


O presidente da Rússia, Vladimir Putin, classificou a operação militar do país na Ucrânia como a sua principal prioridade, à qual se dedica desde a hora em que se levanta até o momento de se deitar, segundo explicou em entrevista ao seu serviço de imprensa transmitida neste domingo, 25. “Dedico a prioridade máxima. Começo o dia com isto e acabo com isto”, afirmou o líder russo, que disse estar pronto para receber informações sobre o assunto a qualquer hora do dia, embora tenha reconhecido que ultimamente tem dormido muito tarde. “É claro que tenho de estar sempre disponível. E é assim que as coisas são”, explicou o governante, ao afirmar que isto permite “criar uma situação em que todos se sentem seguros”.


“E, sem dúvida, estamos em condições de cumprir todos os planos e tarefas que nos propusemos. Isto diz respeito tanto à defesa do país como à operação militar especial, à economia em geral e a algumas das suas direções”, acrescentou. O mandatário enfatizou que todos precisam “se dedicar a isto 24 horas por dia”. Além disso, aproveitou a entrevista para afirmar que “os indicadores macroeconômicos estão normais”. Putin ressaltou que a inflação em termos anuais atingiu o seu nível mais baixo, de 2,3%, e destacou o baixo desemprego, os indicadores de construção recorde para 2022 e frisou que o ritmo da economia “está sendo mantido”.


*Com informações da EFE.

bottom of page