top of page

Presidente da CBF oficializa candidatura do Brasil à Copa do Mundo Feminina de 2027

O presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, assinou nesta sexta-feira o documento que oficializa junto à Fifa a candidatura do Brasil à sede da Copa do Mundo Feminina de 2027.


- Com todo o equipamento esportivo e de infraestrutura que dispomos, acreditamos que vamos fazer um belo Mundial. Receber a Copa do Mundo faz parte do nosso projeto de crescer cada vez mais o futebol feminino pelo país, que é um dos pilares da minha gestão - afirmou Ednaldo Rodrigues.


O processo de escolha da Copa Feminina de 2027 foi lançado pela Fifa em março deste ano. A sede será anunciada em maio do ano que vem.


A candidatura brasileira já recebeu apoio oficial do governo federal.


- Eu quero dizer para você, Ednaldo, que o Governo, através da Presidência, do Ministério do Esporte, do Itamaraty, estará à disposição da CBF para fazer o que for necessário para que a gente consiga trazer, em 2027, a Copa do Mundo Feminina para o Brasil. Será um evento extraordinário, motivador da construção de uma consciência política junto ao povo brasileiro para que entendam a participação da mulher efetivamente em todos os cantos em que puderem e quiserem participar, onde elas quiserem, do jeito que elas quiserem - afirmou o presidente Lula no fim de março, durante a passagem do Tour da Taça da Copa do Mundo por Brasília.


Faltam pouco mais de três meses para a estreia da seleção brasileira feminina na Copa do Mundo deste ano, que será disputada na Austrália e na Nova Zelândia. O Brasil jogará contra o Panamá na primeira rodada, no dia 24 de julho, em Adelaide. Depois, vai enfrentar França e Jamaica na primeira fase.



Kommentare


bottom of page