top of page

Polícia Federal faz operação contra caça ilegal de mico-leão-dourado no RJ




A Polícia Federal (PF) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) deflagraram na manhã desta sexta-feira, 1°, a Operação Anhangá, com o objetivo de combater a caça ilegal de micos-leões-dourados, no interior do Rio de Janeiro. As investigações tiveram início em novembro de 2023, e foram motivadas pelo encontro de armadilhas, para captura do animal em área de proteção ambiental federal, na cidade de Rio Bonito. A PF ressalta que a espécie, atualmente ameaçada de extinção, só é encontrada na natureza nesta região, particularmente nos municípios de Rio Bonito, Silva Jardim e Casimiro de Abreu.

Durante operação desta sexta, os policiais da Delegacia de Meio Ambiente (DMA/RJ) cumpriram três mandados de busca e apreensão, no município de Magé, expedidos pela 2ª Vara Federal de Niterói. O suspeito atua como traficante e comerciante ilegal de animais silvestres e ameaçados de extinção e tem histórico de crimes ambientais desde 2001. A Justiça determinou também a monitoração eletrônica dos suspeitos e a proibição de acesso ou frequência a unidades de conservação e seu entorno. Os investigados vão responder pela caça, transporte clandestino, manutenção de animais em cativeiro, maus-tratos e receptação qualificada. A PF informou que há possibilidade de aumento de pena, considerando que o crime é decorrente de caça profissional, praticado contra espécie ameaçada de extinção.

Bình luận


bottom of page