top of page

Neymar aceita brusca redução de salário e entra em acordo com o Barcelona


Neymar aceitou uma redução brusca de salário para retornar ao Barcelona. De acordo com programa de TV “El Chiringuito”, da Espanha, ambas as partes entraram em acordo para o brasileiro receber 13 milhões de euros (na cotação atual, cerca de R$ 70 milhões) líquidos por ano, além de bônus previstos em contrato. A quantia, assim, seria significativamente menor do que o camisa 10 recebe no Paris Saint-Germain – atualmente, o astro embolsa 40 milhões de euros (R$ 214,5 milhões) anuais. Segunda apuração da emissora local, o vínculo do craque no Camp Nou seria válido por dois anos, com a possibilidade de renovação automática por mais uma temporada. Para acertar a volta do jogador, entretanto, o clube da Espanha ainda precisa resolver duas questões importantes. Primeiro, o atacante precisaria rescindir com o PSG, já que os catalães não possuem condições financeiras de fechar uma contratação de alto custo. Além disso, para não sofrer com problemas com o fair play financeiro da LaLiga, o Barcelona terá que negociar alguns de seus atletas para liberar espaço na folha salarial. Este, inclusive, foi o principal ponto que impediu o retorno de Lionel Messi nesta janela de transferências.


Neymar parece estar cada vez mais distante do Parque dos Príncipes. No começo desta semana, de acordo com o jornal “L’Équipe”, o atacante comunicou a diretoria do Paris Saint-Germain que gostaria de deixar o clube ainda neste mês. Já nesta quarta-feira, 9, o treinador Luís Enrique e Luis Campos, diretor de futebol do PSG, afirmaram que o brasileiro também não faz parte dos planos para esta temporada. Segundo a imprensa francesa, há outras duas possibilidades para Neymar nesta janela. O Al Hilal (Arábia Saudita) planeja oferecer ao jogador um salário de 80 milhões de euros por ano (cerca de R$ 430 milhões), praticamente o dobro do que o astro recebe atualmente. Além disso, um time dos Estados Unidos também já deixou uma proposta na mesa de Neymar. Contratado em 2017 junto ao Barcelona, o craque conquistou vários títulos pela equipe azul e vermelha, mas ainda não alcançou seu principal objetivo: ganhar a Liga dos Campeões. Além disso, o astro vem colecionando várias lesões nas últimas temporadas e foi alvo de críticas de torcedores nos últimos meses. Fora dos gramados desde fevereiro, ele se recuperou de uma cirurgia no tornozelo e voltou ao campo na vitória sobre o Jeonbuk Motors (Coreia do Sul), em amistoso de pré-temporada, na semana passada.

Kommentare


bottom of page