top of page

Morre Pampa, ídolo do vôlei brasileiro, aos 59 anos




Nesta sexta-feira (7), morreu o ex-jogador e campeão olímpico Pampa, aos 59 anos. Seu verdadeiro nome era André Felippe Falbo Ferreira. Ele estava em tratamento contra um Linfoma de Hodking e teve complicações. Ele foi transferido em 19 de abril para o hospital Beneficiência Portuguesa de São Paulo para ter o tratamento necessário, mas acabou não resistindo. No ano de 1992, Pampa conquistou a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Barcelona. Já em 1988, participou da Olimpíada de Seul 1988, quando a seleção ficou em 4º lugar. À época, Pampa foi considerado o melhor atacante brasileiro pela Federação Internacional de Vôlei. O ex-jogador ficou na Seleção Brasileira por cerca de nove anos, e durante esse tempo participou de 5 ligas mundiais, 2 pan-americanos, 4 sul-americanos, 2 mundiais, 2 Copas do Mundo, 2 Olimpíadas e 1 top four. Já fora das quadras teve uma vida pública bem agitada, já que entre 2000 e 2002 trabalhou no Ministério do Esporte. Entre 2007 e 2010 foi Secretário de Esportes de Suzano, São Paulo e no final, em 2015, Superintendente Estadual de Esportes do Estado de Pernambuco, estado onde nasceu.

Comments


bottom of page