top of page

Moradores sentem tremores e prédio em Praia Grande volta a ser interditado




No litoral de São Paulo, moradores de um prédio em Praia Grande relataram ter sentido tremores no último final de semana. A administração do condomínio informou que dois pilares se romperam, porém a construtora responsável assegura que não há risco para o edifício. Mesmo assim, o prédio permanece totalmente interditado e passando por obras de recuperação. O edifício em questão já havia sido esvaziado no dia 13 de fevereiro deste ano, devido a danos estruturais em três colunas. Agora, a Prefeitura de Praia Grande autorizou as obras de recuperação e está acompanhando a situação. A construtora responsável garante que o prédio está seguro, apesar dos tremores sentidos pelos moradores.

Os pilares rompidos foram identificados como a causa dos tremores sentidos no prédio. A Prefeitura de Praia Grande reforçou que as obras de recuperação estão autorizadas e em andamento, visando resolver os problemas estruturais do edifício.

Comments


bottom of page