top of page

F1: Pilotos devem contestar a FIA por incidente com trator no Japão

A FIA, compreensivelmente, enfrentou uma reação feroz dos pilotos e de todos no paddock da F1, além de fãs e jornalistas, após a cena assustadora em Suzuka de um trator na pista que retirava a Ferrari acidentada de Carlos Sainz, sob chuva forte resultando em visibilidade muito ruim, e os carros ainda na pista.


Enquanto a corrida estava em condições de Safety Car naquele momento, imagens a bordo do AlphaTauri de Pierre Gasly destacaram o quão difícil era visualizar o trator, mesmo em baixa velocidade.


A Fórmula 1 tragicamente sabe muito bem sobre os perigos dos veículos de recuperação e tratores em Suzuka em condições molhadas, Jules Bianchi, sofreu lesões fatais quando saiu na pista molhada e colidiu com um trator durante o GP do Japão de 2014.


Assim, o piloto da Fórmula E, Sam Bird Bird, espera que os pilotos estejam ‘armados’ no briefing de sexta-feira para o GP dos EUA no próximo final de semana, exigindo respostas da FIA.


O pai de Jules Bianchi postou no Instagram sobre o incidente do caminhão de recuperação: “Nenhum respeito pela vida dos pilotos. Nenhum respeito pela memória de Jules. Incrível.”


“Eu não gostaria de ser um dos oficiais ou um dos comissários em Austin”, disse Bird no podcast Checkered Flag. “Porque todos os pilotos, por unanimidade, estarão em pé de guerra sobre o que aconteceu, e por que isso aconteceu, e irão pedir mudanças. Espero que a FIA divulgue uma declaração abordando o problema e se comunique, porque se eles acham que punir Pierre Gasly é o fim do assunto, eles podem esperar mais reações”, disse ele.


“Porque eu acho que nós pilotos de corrida, todos os pilotos de hoje e a comunidade do automobilismo, merecem uma resposta sobre por que isso aconteceu, e o que eles farão para que isso não ocorra novamente.”


Os pilotos têm todo o direito de estar muito chateados com a FIA. Erros acontecem, mas nessee caso, tal erro não pode ser varrido para debaixo do tapete, pois poderia facilmente ter custado a vida de outro piloto.


Bianchi continua sendo a fatalidade mais recente da Fórmula 1, e muito trabalho ocorreu nos anos seguintes ao seu acidente para elevar os níveis de segurança na Fórmula 1 a um nível sensacionalmente alto. Isso torna imperdoável a ocorrência de incidentes como este no GP do Japão em 2022.


A visibilidade era ruim, mas as luzes do veículo de recuperação (trator) eram bastante fracas, deixando os pilotos com muito pouca chance de ver o obstáculo quando se aproximavam, enquanto simplesmente o trator não deveria estar na pista enquanto os carros ainda não estavam no box.


Felizmente para a Fórmula 1 e a FIA, eles escaparam desse incidente sem consequências sérias, mas isso é algo inaceitável de ter ocorrido novamente, e a FIA penalizar Gasly, tornou a situação ainda mais patética.

bottom of page