top of page

Fórmula 1 tem domingo nublado e grande chance de chuva durante GP da Holanda

É dia de corrida da Fórmula 1! Depois de muita expectativa sobre a situação climática de Zandvoort para o fim de semana, a sexta-feira e o sábado passaram incólumes a grandes problemas, com direito até a sol e nenhuma precipitação. Neste domingo (4), entretanto, a história é diferente. A chuva é ameaça real no horário da corrida.


As informações são do serviço de meteorologia Accuweather. Segundo o veículo, a expectativa ao longo das duas horas dentre as quais a prova irá se desenrolar é de possibilidade de chuva sempre próximas a 50%, com direito a passar disso na segunda hora. Assim, virando previsão.


A largada do GP da Holanda de Fórmula 1 está marcada para as 15h locais [10h de Brasília, GMT-3]. Neste momento, o que se espera é céu bastante fechado, com muitas nuvens e temperatura de 23°C, com sensação térmica de 24°C. Além disso, os ventos ficam em 13 km/h e rajadas de até 15 km/h e a umidade relativa do ar alcança 68%. A chance de chuva é de 47%.


Próximo à praia, Circuito de Zandvoort não terá dia de sol para oferecer


Depois, no momento em que a hora vira para as 16h locais, a chance de chuva vira previsão de chuva, com possibilidade em 51% de pancadas de chuva. A temperatura não muda, fica em 23°C e com sensação de 21°C. A umidade cresce um pouco, vai até 70%, enquanto as rajadas de vento esperadas sobem para 16 km/h.


É bom ressaltar que não há previsão para um dia muito chuvoso em Zandvoort. Na realidade, as chances altas de chuva estão concentradas entre as 14h e as 17h locais, ao redor do momento da corrida.


Max Verstappen larga na pole-position em casa e conta com as duas Ferrari, de Charles Leclerc e Carlos Sainz, logo atrás. Lewis Hamilton aparece em quarto, uma posição à frente do companheiro de Red Bull de Verstappen, Sergio Pérez.

留言


bottom of page