top of page

Embaixada do Brasil em Madri faz greve com chegada de Lula

Desde as 11h, horário local (6h horário de Brasília), desta terça-feira (25), servidores da embaixada brasileira em Madri, na Espanha, realizam uma paralisação, reivindicando aumento salarial de 30%. O dia escolhido não é coincidência, pois o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) desembarcou na capital espanhola nesta manhã.


O reajuste salarial solicitado é para “compensar a perda de poder aquisitivo que vêm suportando nos últimos anos devido à elevada taxa de inflação registrada na Espanha”, de acordo com nota divulgada pela equipe.


Os funcionários afirmam que estão há 11 anos sem uma compensação.


– Além da perda do poder aquisitivo, os contratados locais na Espanha estão entre os que recebem os salários mais baixos da Europa, comparados com os profissionais que exercem funções similares em outros órgãos brasileiros presentes no continente – diz outro trecho do comunicado.


Após quatro dias em Portugal, Lula chega na Espanha para encontros com o rei Felipe VI, o primeiro-ministro Pedro Sánchez, além de centrais sindicais espanholas em Madri.

Comentários


bottom of page