top of page

Deputado demite funcionário que zombou de mulher sequestrada pelo Hamas


O deputado federal Márcio Jerry (PCdoB-MA) utilizou as redes sociais para comunicar a demissão de Sayid Marcos Tenório, na noite da última terça-feira, 10. Sayid integrava o quadro de funcionários de Jerry e, até o momento, é vice-presidente do Instituto Israel-Palestina. A decisão veio após manifestações de Sayid a favor do grupo extremista Hamas em suas redes sociais. Em sua conta no X (antigo Twitter), Tenório escreveu: “Judeus ilegais sentindo na pele por um dia, aquilo que os palestinos vêm sofrendo diariamente há 75 anos!”. Nas imagens, pessoas que estavam em uma rave que ocorria próximo à Faixa de Gaza tentavam fugir pelo deserto. As redes sociais do ex-assessor de Márcio Jerry foram excluídas.


Diante da repercussão, Jerry divulgou uma nota na qual afirma que “trata-se de uma posição absolutamente individual, que não tem qualquer concordância de minha parte”. “Reitero minha posição de repúdio aos ataques do grupo Hamas a Israel, como também repudio os ataques de Israel ao povo palestino, defendendo mais uma vez a celebração da tão necessária paz. Comunico ainda que por considerar extremamente grave a manifestação determinei a imediata demissão dele do quadro de minha assessoria na Câmara dos Deputados”, escreveu.

bottom of page