top of page

Criptmoedas são criadas pra homenagear a Rainha Elizabeth II



A Rainha Elizabeth II morreu nesta semana aos 96 anos de idade. No entanto, não se engane pela idade: ela parecia estar antenada com a tecnologia e manifestou interesse pelas criptomoedas e pelo blockchain.


Em 2020, ela recebeu um exemplar de uma edição da Journal of the British Ledger Blockchain Association. “Sua Majestade ficou interessada em saber que a publicação é o primeiro jornal de pesquisa dedicado à blockchain tanto em formato impresso quanto digital”, dizia a carta enviada pelo Palácio de Buckinham ao editor-chefe do JBBA, Naseem Naqvi.


Por isso, não foi nenhuma surpresa que após a morte da Rainha 18 criptomoedas foram criadas em sua homenagem: RIP Elizabeth, God Save The Queen, Long Live Elizabeth e Queen Elizabeth II são algumas das criptomoedas criadas.


No entanto, é recomendado extrema cautela com esses projetos que nascem em cima de acontecimentos de repercussão mundial, pois em muitos casos pode se tratar de um golpe.


Em 2021, a criptomoeda Squid foi criada em homenagem à série “Round 6”, da Netflix. Sem qualquer conexão com a Netflix, o projeto foi abandonado por seus criadores. Quem apostou nele perdeu dinheiro.

bottom of page