top of page

Com ministério na mira, Alckmin diz que entrada do Centrão no governo é importante


O presidente interino Geraldo Alckmin (PSB) defendeu a possível indicação de membros de partidos do Centrão a ministérios como um passo “importante” para garantir o Executivo governabilidade junto com ao Legislativo. “É importante para a governabilidade, ter mais apoio. Acho bom. O que precisamos no Brasil é ter menos partidos”, disse o interino a jornalistas, após discursar em evento sobre cooperativismo internacional no Itamaraty. Questionado a respeito da sua substituição no Ministério da Indústria e Comércio para acomodar novos partidos, Alckmin negou ter ouvido sobre o assunto e exaltou o momento de maior diálogo entre os Poderes. “A marca do Lula é o diálogo”, completou, exaltando o “momento de maior diálogo” entre os Poderes. Como o site da Jovem Pan mostrou, Luiz Inácio Lula da Silva (PT) negocia com caciques de legendas do Centrão, como Republicanos e o Progressistas, a consolidação de uma minirreforma ministerial. O objetivo é promover mais mudanças na Esplanada dos Ministérios a partidos que entreguem votos para o governo no Legislativo. O próprio ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, já confirmou que mudanças devem ocorrer. A expectativa é que os anúncios aconteçam na primeira semana de agosto, após o recesso no Congresso Nacional.

Comments


bottom of page